Por quatro meses, entre julho e novembro de 2013, viajei pelo território do Geopark Araripe, um projeto praticamente desconhecido pela maior parte dos brasileiros, e que abrange seis cidades da região da Chapada do Araripe, no Cariri cearense.
O Geopark tem como objetivo preservar a cultura, a história geológica, paleontológica, humana e o meio ambiente locais.

Mas não foi uma viagem qualquer: eu já conhecia o Cariri, onde morei por dois anos, há tempos. Foi um reencontro com muito do que já conhecia, e uma série única de descobertas, já que viajei sozinha para lugares em que não fazia ideia de como chegar.
Tive muita ajuda do pessoal do Geopark para ir aos geossítios, e não sei dizer o quanto sou grata a eles por toda atenção e vontade de ajudar. Também não sei como calcular o tanto que aprendi com o Idalécio Freitas, geólogo, gerente e gestor científico do parque, pelo qual tem um amor infinito.

Para os outros atrativos locais, e para algumas das cidades interessantes no entorno (Assaré, Potengi e Exu) fui por conta própria. Não tive ajuda financeira de nenhuma prefeitura local, e calculo que gastei incríveis R$ 150 por cidade, contando hospedagem e alimentação. Graças à ajuda de (até então) ilustres desconhecidos, em quem eu chegava, me apresentava, e prontamente já tinha um guia e transporte para muitos lugares. (A lista de agradecimentos está AQUI).

Abaixo, o vídeo institucional do Geopark Araripe. Aos poucos estou postando tudo o que vi e que quero que vocês vejam. Mas o Cariri é um mundo e demora um pouco para contemplá-lo.

Mariana Albanese, janeiro / 2014

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s